segunda-feira, setembro 10, 2012

Nirvana

Um dia desses no templo, passarinho da barriga amarela pousou na cabeça de Buda. O monge olhou com sorriso de Monalisa, enquanto todos ali tentavam chegar à ausência de pensamentos. As crianças espiavam baixo com olhos entreabertos na tentativa de parecerem sérios.Sem mais reações, escorre da cabeça da estátua um líquido branco e viscoso que contrasta com a reluzente tinta dourada. Uma criança gargalha. Finalmente, chegamos ao nirvana!

Nenhum comentário: