sábado, setembro 29, 2012

Empatia

Nosso ponto em comum era desafinidade sem tamanho.

Nenhum comentário: